• Professora Dayane diz que indenização para profissionais de saúde é questão de justiça

Professora Dayane diz que indenização para profissionais de saúde é questão de justiça

16 de julho de 2020 \\ Geral

A Câmara dos Deputados aprovou, nesta terça-feira (14), uma indenização de R$ 50 mil reais a dependentes de profissionais e trabalhadores de saúde mortos após contaminação pela Covid-19 decorrente da atuação direta no combate à pandemia. O PL 1826/20 foi aprovado com a indicação favorável do PSL que, na Bahia, é presidido pela deputada federal Professora Dayane Pimentel. A indenização também é prevista para os profissionais de saúde que ficarem incapacitados definitivamente para o trabalho em decorrência da Covid-19.


“Quase todas as categorias estão sendo prejudicadas por caos da pandemia, mas quem está na linha de frente são os da área de saúde e da segurança. Não é uma questão de opção, mas de justiça aprovar essa compensação financeira", ressaltou a Professora Dayane Pimentel. A parlamentar feirense complementou: "Assim como fui favorável sobre a aprovação do auxílio emergencial para os mais vulneráveis, assim como votei favorável aos planos de créditos aos micro e pequenos empresários, cumpri meu papel também com os agentes de saúde e, junto ao PSL, votamos sim”.


Apesar de ser considerada uma necessidade e um ato de justiça aos servidores da saúde que enfrentam a pandemia, o projeto de lei foi aprovado mesmo com a indicação de voto "não" feito pela liderança do governo. Dos 458 deputados presentes na votação virtual, 272 não seguiram a orientação do governo e votaram pela aprovação; outros 185 votaram pela rejeição. O projeto segue agora para a sanção presidencial.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE