• PMFS: Mais 150 professores convocados por seleção pública

PMFS: Mais 150 professores convocados por seleção pública

02 de março de 2018 \\ Geral

Cento e cinquenta professores licenciados em Pedagogia foram convocados para atuar temporariamente na Rede Municipal de Ensino. Eles foram aprovados na seleção simplificada para contratação pelo Regime de Direito Administrativo (Reda), realizada em 2017, e vão trabalhar nas turmas de Educação Infantil e Ensino Fundamental.

Dos convocados, 30 candidatos são oriundos da cota afrodescendente ou indígenas; 45 são bolsistas e oriundos de escola pública e 75 são da lista de livre concorrência.

A Secretaria Municipal de Educação convocou até o momento 650 profissionais, dos quais, 70% estão atuando desde o ano passado. O restante acabou desistindo da nova colocação, por motivos diversos – muitos ainda não adquiriram o certificado de Pedagogia.

Os professores devem se apresentar no período entre os dias 14 e 16 de março, de acordo com escalonamento. A ordem de comparecimento para entrega dos documentos será pela de classificação. Os convocados devem comparecer à Sala 3, da Seduc, localizada à avenida Senhor dos Passos, 197, das 8h às 11h30 e das 14h às 17h, nas datas específicas para sua colocação, de acordo com a lista de chamada.

Os profissionais que concorreram às vagas da cota “oriundo da escola pública e bolsista de escola particular” devem comparecer também com o histórico escolar. Para os concursados que possuam outros vínculos com o serviço público, é necessário apresentar declaração dos órgãos de origem, informando a jornada de trabalho.

Para consultar a colocação e data de comparecimento na edição do Diário Oficial do município de Feira de Santana, de 2 de março de 2018, acesse o   link: https://www.diariooficial.feiradesantana.ba.gov.br/abrir.asp?edi=688&p=1.

Os convocados devem estar munidos dos seguintes documentos: carteira de identidade; comprovante de inscrição no cadastro de pessoa física (CPF); certidão de nascimento ou casamento; cartão de inscrição no PIS/PASEP; comprovante de regularidade com as obrigações eleitorais; comprovante de regularidade com o serviço militar, quando couber; comprovação de escolaridade mínima compatível com o cargo, de acordo com a exigência do edital, diploma do curso de pedagogia; laudo médico atestando a capacidade física para o exercício da função; declaração de bens; atestado de antecedentes policiais; uma foto 3x4; carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS; e comprovante de residência.

Os profissionais que concorreram às vagas da cota “oriundo da escola pública e bolsista de escola particular” devem comparecer também com o histórico escolar. Para os concursados que possuam outros vínculos com o serviço público, é necessário apresentar declaração dos órgãos de origem, informando a jornada de trabalho

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE